loteria

Paulo André chora ao expor preocupação com o filho: "Maior medo é refletir nele"

O atleta e ex-BBB Paulo André chorou ao falar dos ataques racistas e de ódio gratuito que recebe nas redes sociais.

Por Naldo Cerqueira em 16/05/2023 às 20:45:53

O atleta e ex-BBB Paulo André chorou ao falar dos ataques racistas e de ódio gratuito que recebe nas redes sociais. Durante participação no podcast "PodPah", PA afirmou que não está se vitimizando: "É muito real e muito nítido em algumas situações. Eu ficava: 'Cara, será?'. Você vai pegando os fundamentos e vê que a galera não está preparada para ver o preto vencer. É um combo de coisas que vai ligando e eu vou percebendo". O velocista acrescentou que, além de receber mensagens de ódio, é acusado de forjar posts. "Isso frustra, isso é triste demais", desabafou. Ao expor sua principal preocupação diante de tantas críticas, o ex-BBB não conteve as lágrimas. "Um dos maiores medos, até me emociono para falar, porque eu tenho um filho, meu maior medo é isso meio que refletir nele." Paulo André é pai de um menino de um ano, conhecido como Pazinho.

Ainda emocionado, o atleta relembrou sua participação no "BBB 22", que o tornou conhecido em todo o Brasil. "Eu entrei na parada da exposição e meu maior medo lá dentro era: será que estou dando orgulho para minha família? Tenho uma família e minha mãe vê tudo. Meu filho vai crescer, vai ter acesso, quero dar orgulho para o meu filho. Eu sou uma pessoa do bem, tenho certeza disso, mas a internet pode mudar tudo, da mesma forma que ela te levanta, ela te derruba sem você ter feito porr* nenhuma. Não fiz nada, não xinguei ninguém, não cometi crime nenhum, só quero treinar e ser campeão", declarou. PA fez questão de enfatizar que não é porque chorou no podcast ao falar do assunto que ele está mal. "Estou suave, estou bem para caralh*, mas meu filho, minha família, me pega, óbvio, não tem como. Se eu falar que não pega, estou sendo maluco."

Fonte: Jovem Pan

Comunicar erro

Comentários